ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI



Facebook decide acabar com convites para jogos online


Se você faz parte do grupo de pessoas que não aguentam mais receber convite para jogos online, através do Facebook, já pode comemorar. A rede social decidiu que a partir do dia 6 de fevereiro do próximo ano começará esse tipo de funcionalidade, até eliminar por completo até junho. De acordo com o portal Sapo, além disso e usando como justificativa o fato de o Facebook já oferecer várias outras possibilidades, alguns botões também serão eliminados por serem considerados redundantes. (Noticias ao Minuto)



Morre piloto britânico após acidente no GP de Macau; imagens fortes


O piloto britânico Daniel Hegarty, 31 anos, morreu neste sábado, em Macau, durante uma prova do GP de motos de Macau, uma prova de rua realizada anualmente. O acidente aconteceu na Curva dos Pescadores, no meio da prova. Ele foi transferido de ambulância e morreu no caminho, por volta de 6h de Brasília. “É com grande pesar que a Comissão Organizadora do Grande Prêmio de Macau informa que o corredor britânico não resistiu aos ferimentos quando seguia na ambulância a caminho do Hospital Conde S. Januário”, informou o coordenador da Comissão Organizadora, Pun Weng Kun. Em uma coletiva à imprensa, foi informado de que a família do piloto já havia sido avisada: “A comissão já contactou com a família e membros da equipa de Daniel garantindo que lhes será prestada toda a assistência. A Comissão Organizadora do Grande Prêmio de Macau manifesta as mais sinceras condolências à família e amigos de Daniel”, disse o responsável. A prova de Fórmula 3, outra categoria que acontece desde 1983 no mesmo circuito, foi vencida pela primeira vez por Ayrton Senna. Veja abaixo. As imagens são fortes.



Presidente da Câmara e secretário de João Dourado/BA que haviam sido sequestrados, são localizados!


O presidente da Câmara Municipal de João Dourado/BA, Marcos Paraná e o secretário de transportes, Marcos Oliveira, foram localizados na noite desta sexta-feira (17), por volta das 21h na cidade de Barra do Mendes, a cerca de 60 quilômetros de Irecê.

Segundo as primeiras informações, tanto o parlamentar quanto o secretário estão bem. Eles foram sequestrados nesta tarde no município de João Dourado durante a fiscalização de uma estrada. O carro de Marcos Paraná teria sido levado pelos bandidos. (Central Notícias)



Ex-integrante do Dominó morre aos 40 anos em São Paulo


O ex-vocalista da banda Dominó Ricardo Bueno morreu, aos 40 anos, na manhã quinta-feira (16) em São Paulo.

A Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo afirmou que o cantor foi internado no dia 7 de novembro em decorrência de um problema odontológico no hospital Ermelino Matarazzo, na zona leste.

Segundo a pasta, Bueno morreu em decorrência de septicemia causada por um abcesso odontogênico.

Ricardo Bueno, cujo sobrenome era Phalamesca, participou do Dominó em 1995. Em 2000, reencontrou o amigo de infância, Wander Ávila, com quem montou uma dupla sertaneja.

O cantor foi enterrado nesta sexta (17) cemitério Vila Formosa 2, na zona leste de São Paulo.



Irmão de Otto, ex-prefeito de Simões Filho é condenado à perda de direitos políticos


O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) condenou o ex-prefeito de Simões Filho, Eduardo Alencar (PSD), a perder os direitos políticos por cinco anos pelo crime de improbidade administrativa. Irmão do senador Otto Alencar (PSD), Eduardo foi acusado pelo Ministério Público Federal (MPF) de ter beneficiado a empresa Marpel Engenharia LTDA em uma licitação para construção de uma quadra poliesportiva no distrito de Mapele, além de obras de infraestrutura urbana, como pavimentação e drenagem na Rua das Rosas, no bairro Góes Calmon, na gestão de 2001 a 2004. Os recursos para levantar a quadra, no valor de R$ 122.514,17, vieram de convênio o Ministério do Esporte e Turismo. Já o das intervenções de infraestrutura urbanas, no montante de R$ 223 mil, foi oriundo do Ministério das Cidades. Além de Eduardo, foram condenados também Orlando Marques de Figueiredo Filho, Joseládio Oliveira de Lima, Virgínia Lúcia de Sousa Portela e Justiniano Ferreira da Conceição.

A juíza absolveu, no entanto, Cláudia Campos e Silva, ex-secretária municipal de Infraestrutura, por falta de provas. De acordo com a sentença, o Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) atestou que a prefeitura simulou a licitação para “restringir o caráter competitivo” do certame e direcionar o resultado de forma favorável à Marpel Engenharia. Um dos indícios listados pelo órgão para comprovar as irregularidades foi o fato de a publicação da licitação ter ocorrido em uma data anterior à justificativa para contratação dos serviços. Além disso, a abertura das propostas aconteceu também depois do dia estabelecido no edital, sem comprovação de retificação da data e nova publicação do documento. Outro elemento apontado foi que o orçamento para construção da quadra foi elaborado pela empresa vencedora antes da própria assinatura do contrato de repasse dos recursos federais. Constatou-se, ainda, que as propostas apresentadas pelas empresas concorrentes eram similares, reforçando a suspeita de que a concorrência foi simulada. A CGU também atestou as assinaturas da empresa Fronteira Construtora e Incorporadora que apareciam nas propostas eram falsas. “Tudo isso demonstra, pois, a simulação do certame licitatório em questão, para dar aparência de licitude à contratação direta da empresa ré. A conduta em questão atenta contra os princípios da administração pública, em especial os da moralidade, imparcialidade e legalidade, sendo forçoso reconhecer a prática de ato de improbidade por José Eduardo Mendonça Alencar — responsável pela aplicação dos recursos públicos direcionados ao Município de Simões Filho — Joseládio Oliveira de Lima, Virgínia Lúcia de Sousa Portela e Justiniano Ferreira da Conceição — na qualidade de integrantes da comissão de licitação —, e Orlando Marques de Figueiredo Filho — na qualidade de beneficiário direto dos atos de improbidade, já que proprietário da empresa Marpel Engenharia Ltda., vencedora da licitação fraudulenta”, sustentou a juíza. Os condenados negaram as acusações. (BN)



Lore Improta parabeniza Carla Perez e surpreende com foto antiga das duas


A youtuber e dançarina Lorena Improtta parabenizou a loira Carla Perez pelos 40 anos que completou na quinta-feira (16). Nas redes sociais, a noiva do cantor Leo Santana mostrou que é uma fã antiga da baiana e postou uma foto em que aparece tietando ela, quando era criança. “Faz parte da minha história e serei eternamente grata por tudo! Muito obrigada Rainha. PARABÉNS! Toda felicidade do mundo”, escreveu Lorena no Instagram. Nos comentários, Carla agradeceu pela homenagem. “Obrigada minha princesa”, respondeu. Além da dançarina, a loira também recebeu uma declaração apaixonada do marido, Xanddy, no dia em que completou mais um ano de vida. (Bahia Notícias)

 



TCM analisa e reprova contas de ex-prefeito de João Dourado/BA


As contas do ex-prefeito de João Dourado/BA, Rui Dourado Araújo, foram rejeitadas pelo descumprimento do disposto no artgo 42 da LRF, que provocou uma indisponibilidade financeira no montante de R$3.556.468,78, e pela extrapolação do limite de 54% para despesa total com pessoal, que alcançou 59,90% da receita corrente líquida.

Também foi registrado o não pagamento de quatro multas imputadas ao gestor em processos anteriores, no total de R$116.868,27, o que denota descumprimento às determinações do TCM. Informações do TCM.



Maconha para uso medicinal é liberada no Peru


O consumo de maconha para fins medicinais está liberado no Peru a partir desta quinta-feira (16), após o presidente Pedro Pablo Kuczynski firmar a lei aprovada pelo Congresso, durante um ato público celebrado na sede do Poder Executivo. A lei que regulamenta “o uso medicinal e terapêutico” da maconha representa “um salto para a modernidade”, destacou o presidente sobre a medida, que promete aliviar os sintomas e melhorar a qualidade de vida de pacientes com câncer, epilepsia e outras doenças. A lei faculta “à importação, cultivo e produção de maconha para entidades públicas e laboratórios registrados e certificados, e permite seu uso para pesquisa em universidades e instituições”. Especialistas e promotores da lei esclarecem que não se trata de liberar o consumo da maconha, mas de permitir a extração de seus componentes medicinais para atender doenças específicas. México, Colômbia, Chile e Argentina aprovaram leis semelhantes autorizando o cultivo e o uso da maconha para fins medicinais e científicos. O Uruguai se tornou em 2013 o primeiro país a permitir o cultivo de maconha para consumo próprio e a venda da erva em farmácias, inclusive para uso recreativo.



‘No Brasil, a cor do meu filho faz com que mudem de calçada’, lamenta Taís Araújo


Taís Araújo foi palestrante no evento TEDXSão Paulo em agosto desse ano. No evento, ela fez um discurso que a partir de terça-feira (14) ficou disponível no Youtube. Em sua fala, Taís discorre sobre as dificuldades de se criar “crianças doces em um país ácido” e fala sobre diversas questões problemáticas da sociedade brasileira.

De acordo com o site Metro 1, em dez minutos de discurso, a atriz falou sobre os problemas que enfrenta hoje e os que terá de encarar para cuidar dos seus filhos João Vicente, de 6 anos, e Maria Antônia, de 2 anos e 7 meses.

“A pergunta que mais me fazem é qual a diferença entre criar um menino e criar uma menina. E minha resposta é sempre muito imediata e a mesma: não vejo diferenças entre criar meninos e meninas. Estou criando dois indivíduos. Essa minha resposta, apesar de ser sempre a mesma, é uma mentira”, disse ela.

“Eu vejo diferença entre criar meninos e meninas. Gênero é uma questão. Porque, quando engravidei do meu filho, fiquei muito aliviada de saber que no meu ventre tinha um homem. Porque eu tinha a certeza de que ele estaria livre de passar por situações vivenciadas por nós, mulheres. Teoricamente, ele está livre. Certo? Errado”, complementa Taís.

“Errado porque meu filho é um menino negro. E liberdade não é um direito que ele vai poder usufruir se ele andar pelas ruas descalço, sem camisa, sujo, saindo da aula de futebol. Ele corre o risco de ser apontado como um infrator. Mesmo com 6 anos de idade”, continuou.

“Quando ele se tornar adolescente, ele não vai ter a liberdade de ir para sua escola, pegar uma condução, um ônibus, com sua mochila, com seu boné, seu capuz, com seu andar adolescente, sem correr o risco de levar uma investida violenta da polícia. Ao ser confundido com um bandido. No Brasil, a cor do meu filho é a cor que faz com que as pessoas mudem de calçada, escondam suas bolsas e blindem seus carros. A vida dele só não vai ser mais difícil que a da minha filha”, comentou a atriz. (Bahia Notícias)

Assista o vídeo completo: