CLIQUE AQUI E VISITE NOSSA PÁGINA!
CLIQUE AQUI E VISITE NOSSA PÁGINA!
ANUNCIE CONOSCO!
ANUNCIE CONOSCO!
ANUNCIE CONOSCO!

20 de janeiro de 2017

Final de semana de tempo firme na Chapada Diamantina

As chuvas previstas para os próximos dias na Bahia, incluindo sábado (21) e domingo (22), permanecem restritas a duas áreas do estado. Uma dessas áreas é a faixa centro-oeste, onde - por conta dos altos índices de umidade e temperaturas - são esperados os maiores volumes de chuva, sobretudo no oeste e na região do São Francisco.

Já na faixa leste é a umidade provocada pelos ventos vindos do Oceano Atlântico que, juntamente ao calor (típico dessa época do ano), favorece a ocorrência de chuvas fracas e isoladas, principalmente na faixa litorânea. Por outro lado, a faixa central da Bahia, que abrange Chapada Diamantina, sudoeste e parte do norte e nordeste, permanece sob a atuação da massa de ar quente e seco, o que deixa o céu ensolarado na maior parte do período e sem chances de chuvas significativas.

Em relação às temperaturas, os maiores índices ainda devem ser registrados na faixa centro-oeste e norte, onde podem atingir os 37°C em algumas localidades. Na faixa litorânea, essas máximas devem variar entre 30°C e 34°C. Mesmo com a previsão de tempo quente, ainda são esperadas temperaturas mais amenas nas áreas serranas da Chapada Diamantina e sudoeste, com mínimas que chegam aos 16°C.

Em Salvador e região metropolitana, o tempo continua quente (com temperaturas variando entre mínimas de 23°C e máximas de 32°C) e estável em grande parte do período. Ainda assim, devido à umidade vinda do mar, não se descarta a possibilidade de ocorrer chuvas fracas e isoladas.

Maré e radiação 
Para o período entre sexta-feira (20) e domingo (22), a maré deve atingir a altura máxima entre 10h30 e 13h30 e entre 22h30min e 1h30, com valores variando de 1,6 a 2,7 metros. Já as alturas mínimas devem ser registradas no período entre 4h30 e 7h30 e entre 16h30 e 19h30, com valores variando de 0,1 a 0,8 metro. As ondas devem ter agitação fraca, com altura máxima podendo chegar a 1,5 metros.

Com a chegada verão, as temperaturas se elevam e as chuvas ficam mais intensas. Nessa estação há maior incidência de radiação solar e, consequentemente, aumento nos Índices de Radiação Ultravioleta (IUV’s). Entre quinta (20) e domingo (22), eles devem variar de 12 e 14. Estes índices estão classificados pela Organização Mundial de Saúde (OMS), na categoria ‘Extrema’, o que requer cuidados quanto à exposição prolongados à radiação solar, principalmente das 10h às 16h. Para evitar danos à saúde, é recomendado o uso de protetor solar, chapéu, boné, óculos escuros e roupas leves.
Blog do Fábio Borges com informações da Ascom/Inema.

Share Button