CLIQUE AQUI E VISITE NOSSA PÁGINA!
CLIQUE AQUI E VISITE NOSSA PÁGINA!
ANUNCIE CONOSCO!
ANUNCIE CONOSCO!
ANUNCIE CONOSCO!

13 de agosto de 2016

Chamas são extintas em Andaraí e brigadistas seguem vigilância de 24h; causa foi criminosa

As chamas que atingiram vegetação dentro do Parque Nacional da Chapada Diamantina (PNCD), no município de Andaraí, próximo ao Vale do Pati, foram controladas por brigadistas voluntários e do parque nesta sexta-feira (12). Em contato com o Jornal da Chapada, já neste sábado (13), o presidente dos Combatentes de Incêndios Florestais de Andaraí (Cifa), Homero Vieira, considerou o fogo extinto e revelou que o incêndio teve causa criminosa. “Faremos agora a fase de monitoramento e vigília por mais 24h. Todas as evidências apontam para que este incêndio tenha sido causado propositadamente. O fogo foi colocado dos dois lados da trilha. Começou na última quarta-feira [10] por volta das sete e meia da noite e conseguimos controlar depois de horas de combate”.

De acordo com Vieira, o incêndio foi controlado graças à agilidade da coordenação do Parque Nacional em tomar decisões. O PNCD é gerido pelo Instituto Chico Mendes de Biodiversidade e Conservação (ICMBio). “As brigadas do PNCD, Rosely Nunes (PrevFogo) e Cifa estão de parabéns”. Homero ainda destaca que as informações na quinta eram de que o fogo estava controlado, mas que houve uma reignição antes que a equipe de brigadistas chegasse ao local para continuar o combate. “Colocaram fogo novamente antes que a nossa equipe chegasse. Acredito que agora, com um grupo fazendo a vigilância, não haverá mais espaço para o piromaníaco”.

Atuação do PNCD

Homero ainda caracterizou suas intervenções como ‘bastante críticas’, mas que reconhece a atuação da coordenação do PNCD. “Quando se trata de incêndios sempre temos que ser extremamente críticos, pois só assim vencemos. Mas, realmente, nessa missão de combate, acredito que, pela primeira vez, estou tirando o chapéu para a coordenação do Parque. Se permanecer esta mesma eficiência acredito que teremos uma temporada com bem menos áreas destruídas”, pontua o presidente da Cifa.

O Jornal da Chapada procurou mais brigadistas que atuaram no combate na região da trilha do Vale do Pati e foi unânime a dificuldade para conter o fogo, mas que o trabalho árduo é sempre recompensador. As chamas infelizmente atingiram uma área que queimou muita biomassa na região, mas não se tem números. Além da distância vencida pelos brigadistas do PNCD, Rosely Nunes e Cifa, o que chamou a atenção, mais uma vez, foi a não participação dos governos no combate. “O estado não mostrou a cara, para variar”, aponta um dos brigadistas.

Fonte: Jornal da Chapada

Share Button